NOTÍCIAS


04Feb Valorização do dólar contribui para competitividade à carne bovina de MT.

Valorização do dólar contribui para competitividade à carne bovina de MT.

A alta do dólar reduziu os impactos gerados pelo aumento do preço da arroba do boi gordo em Mato Grosso no mercado internacional. Apesar dos altos níveis de preços no mercado doméstico, a valorização do dólar conferiu maior competitividade à carne bovina mato-grossense.

De acordo com análise do Instituto Mato-grossense de Economia Agropecuária (Imea), esse cenário explica, em parte, os bons resultados das exportações do ano passado. A arroba em Mato Grosso apresentou valorização de 21%, encerrando o ano em US$ 49,12. A forte demanda e a retirada de embargos à carne brasileira permitiram o aumento dos embarques para o exterior. 

Na média brasileira, de acordo com os dados do Centro de Estudos Avançados em Economia Aplicada (Cepea), a arroba do boi gordo chegou a US$ 54,24, registrando valorização de 13% em relação ao mesmo período do ano passado. O maior preço e a maior valorização foram dos EUA, com US$ 95,60 a arroba e aumentando 25,47% no mesmo período.

Para o gerente de projetos da Associação dos Criadores de Mato Grosso (Acrimat), Fábio da Silva, embora o preço do boi gordo esteja aumentando no mercado interno, no contexto internacional  Mato Grosso continua extremamente competitivo em relação aos demais países.

– As exportações estão aquecidas, contribuindo para a manutenção das vendas da carne bovina e também dos preços ao pecuarista no mercado interno – pontua.

FONTE: CANAL RURAL